Entrevista GABRIEL VON BRIXEN

gabriel_entrev

ROCK START) Como foi teu show no Rock Start, Gabriel?

GABRIEL VON BRIXEN) Cara, o show foi do caralho, eu pude pela primeira vez mostrar esse meu trabalho próprio, num bar bonito, com clima de rock. Vi que quem tava por ali vendo o show tava curtindo o ambiente e o som que a gente tava fazendo. Pra mim foi um marco importante, pois me deu mais pique pra tocar esse barco pra frente, compor mais e gravar um CD de estúdio assim que eu puder. A banda quebrou tudo, foi muito bom poder tocar com músicos competentes – o batera, Daniel Fontoura e o Bruno Vargas no baixo. Ensaiamos uma semana antes do show e eles mandaram muito bem!

 

RS) O que achaste do projeto Rock Start (idéia, estrutura, organização, material de divulgação, etc.)?

GVB) Acho excelente. Essa idéia de colocar o trabalho das boas bandas independentes do sul, isso é ótimo. As pessoas que gostam de rock, e procuram por algo novo e inédito, agora têm onde ir: toda quinta-feira, tem o projeto Rock Start no Revolution. Acho que as pessoas aqui no Sul são um pouco desunidas, tanto pelo gaúcho em si como pelas bandas mesmo, amigos das bandas. Se tivéssemos mais propaganda no “boca-a-boca” isso teria bem mais retorno do público. As bandas têm que chamar outras bandas pra conhecer o projeto, como se fosse um programa certo de quinta à noite. O projeto é sério, bem organizado, tem pessoas responsáveis trabalhando na produção, material de internet que tá sempre com novidades, o espaço do Rock Start na Stoned Discos pras bandas… tudo mostra que ninguém tá brincando aqui de fazer som – é trabalho mesmo das bandas, que vão lá pra mostrar suas composições próprias, cada uma com seu estilo e pegada.

 

RS) Quais teus próximos projetos (shows, gravações, etc.)?

GVB) Eu agora pretendo tocar mais, acho que a banda tá legal, mas precisamos tocar em outros lugares, aparecer mais pra, aos poucos, nos tornarmos mais familiares aqui por Porto Alegre. E quanto mais fizermos isso, um show mais concreto e solto a gente vai ter, vamos poder pensar mais em performances e cada um vai estar mais livre na forma de tocar as músicas. Pretendo também gravar um CD de estúdio em breve, assim que der.

 

RS) Deixe uma mensagem para as próximas bandas participantes do Rock Start e para o público:

GVB) Bandas, divulguem seus shows direitinho, pra amigos que curtem rock, contem do projeto, mostrem como funciona, façam autopropaganda de vocês pro mailing de todos da banda, digam pros amigos encaminhar esse e-mail pra outros amigos da lista… enfim, banda independente tem que fazer tudo sozinha no início, não adianta! Comentem sobre o bar, lá foi tudo reformado, tá bacana, dá pra jantar, beber, ser bem atendido, e ainda tem 2 shows bacanas pra assistir. Tem gente que pensa que só porque era a Crocco antes, o bar é o mesmo clima. Mas não: agora não é mais “underground”, tem muita gente que pensa que é isso e de repente não vai porque não gosta desse tipo de ambiente. Em se tratando de público, tem que frisar isso. Caprichem no show, caprichem nas demos que o pessoal vai escutar no MySpace, isso aí influencia muito mesmo. É isso aí! Quebrem tudo no show, mostrem que vocês merecem estar ali em cima do palco porque fazem um som foda! Essa é a música de vocês e querem conquistar o seu espaço! Abraço e muito rock a todos!

Deixe um comentário

Nenhum comentário ainda.

Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s